Matriz BCG
Gestão Planejamento

Estudo de Caso Matriz BCG: entenda melhor o ciclo de vida dos seus produtos

Matriz BCG é uma técnica utilizada para analisar portfólio de produtos, nichos de atuação e unidades de negócio, tendo como base o ciclo de vida de cada produto ou mercado.

Esta metodologia foi criada por Bruce Henderson nos anos 70 para a empresa americana Boston Consulting Group. Seu principal objetivo é auxiliar o processo de tomada de decisão dos gestores.

Através de uma análise do ciclo de vida dos produtos ofertados pela empresa, a Matriz BCG consiste basicamente no cruzamento do índice de market share (participação de mercado) e do índice de crescimento do produto no mercado. Seu maior objetivo é identificar características e determinar as prioridades de cada produto na formação do portfólio da empresa

A matriz BCG é dividida em quatro quadrantes que representam a combinação entres os índices de Market Share e crescimento. Os quadrantes são nomeados da seguinte forma: EstrelaVaca LeiteiraEm Questionamento e Abacaxi.

O posicionamento de cada quadrante dentro da Matriz BCG pode ser visto na figura abaixo:

Matriz BCG

Um estudo de caso sobre Matriz BCG

Para entender melhor as diferenças entre cada quadrante e a aplicação prática da Matriz BCG, vamos analisar o mercado de informática, como se fossemos uma empresa que vende produtos de tecnologia.

No início dos anos 1990 os computadores pessoais (PCs) começaram a se tornar populares, tomando conta do mercado. Criou-se aí um mar de oportunidades, movido por equipamentos, peças, acessórios e serviços.

Alguns anos depois começaram a surgir os notebooks, equipamentos que faziam a mesma função, mas permitindo muito mais facilidade no transporte.

Por alguns anos, PCs e notebooks dividiram espaço no mercado. Apesar das vantagens de transporte, os notebooks demoraram para ter o mesmo desempenho dos PCs, e seus valores eram bem elevados, não permitindo atuarem de forma muito agressiva no mercado.

Porém, com a evolução da internet surgiram também os Smartphones e Tablets. Estes dispositivos vêm ganhando funções que antes só eram permitidas em computadores.

A venda destes equipamentos cresce ano a ano, enquanto os notebooks tentam evoluir para se manter no mercado e os PCs perdem clientes diariamente.

Como este mercado não para, outras tecnologias têm surgido como promessas, como os óculos 3D e Smartwhatches, mas nenhuma delas ainda decolou nas vendas.

Essa é a realidade que muitas empresas de informática visualizam em suas vendas. Se transpormos esta análise para nossa matriz BCG vamos chegar ao seguinte resultado:

Objetivo da Matriz BCG

O grande objetivo de se montar uma matriz como esta é visualizar qual o resultado que cada produto traz para o negócio. Dessa forma, é possível também entender o ciclo de vida de cada oferta.

Ao fazer esta análise, pode-se definir ações para melhorar a participação no mercado, principalmente nos produtos do quadrante “Em questionamento”.

Neste exemplo, gestores e proprietários de empresas de informática podem utilizar outras técnicas de gestão para apoiá-los, como realizar um Brainstorm para entender o motivo que faz alguns produtos não terem maior participação no mercado.

Em seguida, podem criar um plano de ação 5W2H, para junto com sua equipe definir ações que possam melhorar o Market Share do produto. Ações como melhorar o marketing e estudar melhores fornecedores poderiam solucionar o problema e fazer com que o produto se venda mais.

Em um ciclo natural na Matriz BCG, os produtos no quadrante “estrela” não costumam ficar lá por muito. Isto ocorre porque existe uma tendência natural de concorrentes copiarem e até aprimorarem um produto. No mundo da tecnologia, esta limitação acaba sendo a própria evolução e surgimento de outros produtos, como o caso dos Smartphones. Da mesma forma, existe uma limitação natural do mercado em absorver qualquer nova oferta.

Portanto, ao identificar um produto estrela em seu portfólio, a empresa deve criar ações para tirar o máximo de proveito deste produto enquanto ele traz grandes resultados. O registro de patentes por exemplo, pode dificultar a entrada de novos concorrentes.

Tendências naturais do ciclo da matriz BCG

A tendência é que os produtos “estrela” com o tempo se desloquem para o quadrante Vaca Leiteira, este é o ponto em que o produto continua tendo boas vendas, gerando bons resultados mas tem dificuldades em crescer suas vendas pelos motivos apontados acima. Neste ponto, a empresa deve se preocupar em manter o produto sempre com qualidade no mercado e inovando sempre que possível.

Alguns produtos acabam perdendo espaço, por algum desgaste natural ou por serem substituídos por novas tecnologia e produtos superiores, como o caso dos PCs e até mesmo dos notebooks. Neste ponto, vale uma análise criteriosa da empresa se vale a pena deixar de produzir e ofertar o produto, tendo em vista que ele não traz mais lucros para a empresa.

Para entender melhor o seu negócio, analise profundamente cada produto vendido por sua empresa e conheça também os produtos concorrentes. Desta forma será possível distribuir os produtos de acordo com os quadrantes da Matriz BCG. Após a montagem da Matriz, reflita sobre cada produto e quais ações devem ser tomadas para torná-lo mais lucrativo para o negócio, ou quem sabe descartá-lo do portfólio.

Colocando a mão na massa

Agora, para facilitar a análise da matriz BCG para o seu negócio, sugerimos a utilização de um modelo pronto desenvolvido pelo nosso parceiro para você preencher e usar como material de estudo junto com sua equipe.

Pensar, considerar e refletir é o que diferencia os gestores de sucesso. Por isso, recomendamos outras análises fundamentais sobre seu negócio, todas elas também possuem um modelo gratuito para você aplicar diretamente na sua empresa.

Matriz SWOT: Conceito e um Estudo de Caso

Cinco forças de Porter: Uma análise para definir o futuro do negócio

Gestão de processos para PMEs em 4 passos

Quer saber mais sobre como ser um líder de sucesso? Leia também este artigo:

Líder de sucesso, como se tornar um em 8 lições

Tem dúvidas ou algum comentário a fazer sobre a matriz BCG? Adoraríamos ouvir você, comente abaixo!

Gostou!? Compartilhe com seus amigos....Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn